sexta-feira, 17 de agosto de 2018

Menino Jesus

meu jesuscristinho moreno e pequenino
fala com qualquer um como gente grande
não falta à escola
e brinca ressuscitando passarinho morto
calmo um pouco pensativo
gosta de passear à noite
diz que rezando pro seu pai
como qualquer garoto claro faz das suas
é um menino bonzinho
mas deixa a gente
com o cabelo todo em pé

                                                Igor Zanoni

Incerteza


não sabemos onde o dia nos levará
a incerteza é nosso meio
breve virá o ocaso
e nosso corpo se desfará
na ignorância do olvido
guarde para esse momento sua serenidade
enquanto a vida em seu tumulto
se perde em volta
adeus adeus vida breve
fique deste lado do caminho que deixo
com todos os que me reterão
na memória imprecisa
eu em lugar algum
homem que terei sido
em meu vão viver

                                      Igor Zanoni

Plebe


em uma unidade de pronto atendimento, que funciona 24 horas por dia, se você demorar um pouco para ser atendido (isso depende da triagem que classifica como mais ou menos urgente o seu problema), percebe que as pessoas que esperam vão mudando ao longo do dia, conforme umas são atendidas e chegam outras mas a unidade está sempre cheia. o que elas fariam se não houvesse tais unidades? ali a plebe da cidade exerce seu cada vez mais remoto direito de cidadania, seu direito por exemplo a uma medicina gratuita e eficiente pelo sus. a plebe não tem dinheiro nem planos de saúde, e é imensa sua necessidade do serviço público. as pessoas ali são simples, feias, mal vestidas, formam um enorme contingente social ao qual a fortuna não sorri. é pavoroso imaginar que esse vasto contingente tem seus direitos ameaçados, que sua cidadania efetiva está cada vez menos assegurada em um aspecto básico como a saúde. a cidadania se exerce no dia de eleições, mas esse dia se torna sempre menos importante à medida que os políticos perpetuam-se na vida pública no triste espetáculo do clientelismo e do patrimonialismo brasileiros. mas a cidadania se exerce mais claramente a cada vez que uma necessidade é atendida pelo espaço público, como o sus e a educação pública. é precisamente essa cidadania que está sendo ameaçada pelo primarismo da política econômica que atende antes aos grandes interesses, os interesses dos rentistas e dos fluxos de capital livres no planeta. a plebe não sabe nada sobre isso. ela entra mal na unidade de pronto atendimento, com pressão elevada, febre, dores no peito e na cabeça, febre, as crianças chorando ou dormindo no colo da mãe. ela é só um resíduo humano para o capital e para o estado, mal vestido, feio, ignorante, que o estado cada vez mais vai deixando aos azares da vida, e como sua vida é azarada!

                                                     Igor Zanoni

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Sequencia


viver é simples
uma sequencia de atos concretos
não pense muito
obedecer é o principal
se sentir medo solidão
retorne
abstraia e siga a sequencia
viver é bem simples
evite sentidos transcendentes
abstraia e siga
não é muito bom mas talvez
funcione

                                          Igor Zanoni

domingo, 12 de agosto de 2018

Carpa


a carpa de escamas vermelhas dava voltas no laguinho esverdeado de limo e folhagens. o jardim se debruçava sobre a tarde com seus salgueiros tristes, e podia-se sentir já o cheiro de primavera nas flores recém plantadas pelo Departamento de Parques e Jardins da Prefeitura. passando pela pequena ponte de madeira percebi súbito o lisérgico da paisagem mas só me convenci de minha loucura dominical quando a carpa me olhou com olhos pedinchões arredondando sua boca de peixe e emitindo uma bolha com a palavra: pipoca. sim, ela só queria de mim uma pipoca.

                                                  Igor Zanoni